domingo, setembro 12

Tal qual a Primavera




Primeiro os seus olhos, que pelo verde assemelhado as águas do doce Velho Chico me atraem como se em encantamento eu estivesse. Depois a sua boca... Nem sei como descrevê-la, tamanha doçura e sabedoria, em palavras e deliciosas traquinagens...
Hoje, ao navegar pelas águas do São Francisco, ora inquietas pela ventania destoante da Primavera que está à chegar, tentei descobrir desde quando você é parte desse cenário.  
_Por que esteve distante, por tanto tempo? _ O que estava a aguardar? Foram às perguntas que me vieram ao pensamento.
Se eu soubesse de sua existência, teria ido ao seu encontro só para ver a felicidade que tem os seus olhos quando está a sorri.
A facilidade com que a alegria do seu olhar espanta qualquer tristeza é fantástica, quase inacreditável!
Você combina com alegria...
Que combina com cores...
Que combina com flores...
Que combina com Primavera.
É isso!
Sua presença levou a cor cinza do outono/inverno. Matizou tudo!!!
Acabo de descobri; você é sinônimo de uma nova e linda estação que vai perdurar por toda a minha vida.
Por isso, penso às vezes que estou á sonhar...
Pois bem, se o assim o for, não quero e nem vou acordar!

Célia Regina Carvalho
                                                          
 Pensamento do Dia 
Tais quais as flores são os sonhos:
Basta regá-los.
Na estação própria hão de florescer!

Célia Regina Carvalho


6 comentários:

  1. Êita coisa boa de se sentir!

    Homogeneizar os pensamentos aos sonhos, perceber a vida correndo, como corre o Chico, sem se preocupar com mazelas, com mesquinharias.

    Generosamente irriga e irradia a vida, por tudo que resvala. Mesmo quando lhe dizem: " - Estie, Velho. Seja triste e árido."
    - Nada... responde, soluçante, o sábio Chico. E de suas lágrimas, faz a enchente da várzea. E de sua dor, brota a vida para todos.

    Sua paisagem é privilegiada, Célia. Só podia dar nestes textos que você compartilha. Porque você tem olhos pra ver e uma alma linda, para sentir.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi... Que saudade! Fiquei tão feliz em saber que você se mantém por perto, que senti um vontadizinha de chorar... Obrigada por seu carinho! um bju

    ResponderExcluir
  3. Oi, Renato... Bom saber que gostou! Há!braços

    ResponderExcluir
  4. Olá, Paulo... Obrigada por sua visita! Um abraço

    ResponderExcluir

Obrigada por sua visita.