domingo, setembro 12

Essa canção, eu quero tocar...


Graças À  Vida

Graças à vida que me deu tanto
Me deu dois olhos que quando os abro
Distinguo perfeitamente o preto do branco
E no alto céu seu fundo estrelado
E nas multidões o homem que eu amo

Graças à vida que me deu tanto
Me deu o ouvido que em todo seu comprimento
Grava noite e dia grilos e canários
Martírios, turbinas, latidos, aguaceiros
E a voz tão terna de meu bem amado

Graças à vida que me deu tanto
Me deu o som e o abecedário
Com ele, as palavras que penso e declaro
Mãe, amigo, irmão
E luz iluminando a rota da alma do que estou amando

Graças à vida que me deu tanto
Me deu a marcha de meus pés cansados
Com eles andei cidades e charcos
Praias e desertos, montanhas e planícies
E a casa sua, sua rua e seu pátio

Graças à vida que me deu tanto
Me deu o coração que agita seu marco
Quando olho o fruto do cérebro humano
Quando olho o bom tão longe do mal
Quando olho o fundo de seus olhos claros

Graças à vida que me deu tanto
Me deu o riso e me deu o pranto
Assim eu distinguo fortuna de quebranto
Os dois materiais que formam meu canto
E o canto de vocês que é o mesmo canto
E o canto de todos que é meu próprio canto

Graças à vida, graças à vida

Mercedes Sosa – (Graças a La vida – Tradução)

9 comentários:

  1. olá guria
    simplemente demais
    adoro a versão cantado por Elis REgina
    é um hino

    bjim guria

    ResponderExcluir
  2. Música eterna!
    Gracias pela lembrança!

    ResponderExcluir
  3. Juci... Bom demais da conta tê-la por perto. Gracias! Mantenha-se por aqui. um super beijo, guria!!!

    ResponderExcluir
  4. Prof. Expedito... É que tem hora, que só nos resta agradecer... Um abraço e obrigada pela visita!

    ResponderExcluir
  5. Clarice Martins Rodrigues Lima12 de setembro de 2010 21:20

    Linda música descreve todo o agradecimento que devemos a vida!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá. Clarice... É isso! E eu, então... Nó! Como preciso agradecer, héim...? Um abraço

    ResponderExcluir
  7. Minha querida amiga Célia, boa noite!!!
    Esta música é maravilhosa!!!
    A vida nos dá tanto... temos que agradecer por todas essas dádivas, sempre!
    Parabéns pela bela postagem e maravilhosa lembrança!
    Tenha uma excelente semana!
    Abraços e muita paz!!!

    ResponderExcluir
  8. Dú... Que saudade! É isso, vivo a sorrir de tão agraciada que sou por Deus e pela vida. Um beijo!

    ResponderExcluir
  9. Linda canção que consagrou a beleza poética de Violeta Parra. Bela postagem, Célia. Gracias a la Vida e ao meu grande amor, que mesmo tendo naufragado nas águas do Velho Chico, flutua na minha memória. (Flor do Campo)

    ResponderExcluir

Obrigada por sua visita.